Artigos e Informativos






O CPT Cursos Presenciais garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Manejo das Pastagens

O manejo das pastagens é um conjunto de ações que visa à máxima produção por unidade de área, de acordo com o objetivo de exploração.

No caso da exploração de pastagem para a produção de carne e ou leite, parece ocorrer uma relação antagônica, ou seja, o rendimento máximo do animal depende de exploração ou desfolha de pastagem, que, para render o máximo, não pode ser desfolhada muito intensamente. Assim, o desafio do manejo de pastagem consiste em retirar a máxima produção animal sem extinguir a forrageira.

Para atingir o objetivo do manejo da pastagem, deve-se conhecer as variações de rendimento das forrageiras no decorrer do ciclo, para escolher o momento ou o grau de desfolha a realizar nas plantas.

As variações de comportamento das plantas estão sujeitas a fatores ambientais, características morfogenéticas, estrutura do pasto, característica eco fisiológicas da comunidade e, logicamente, influência do homem por meio do manejo dado à pastagem.

Para que as vacas tenham grande disponibilidade de forragem de boa qualidade, será preciso garantir à planta forrageira condições ótimas de rebrota. Ela precisará de um resíduo de folhas após o pastejo, que não estejam senescentes, para que possam realizar a fotossíntese e retomar o crescimento e o armazenamento de nutrientes. Também precisará de tempo para que a rebrota cresça e se recupere. Entretanto, se essas folhas não forem consumidas no momento de máxima qualidade e quantidade, entram em senescência, deixam de fazer fotossíntese e perdem qualidade nutricional.

Ao pastejarem, os animais promovem a rebrota constante do pastejo, o que significa dizer que, caso não seja feito um manejo adequado das áreas de pastagens, estas podem ser submetidas a períodos de estresse que podem conduzir ao comprometimento da própria pastagem. Assim o pastejo pode tanto ser um estímulo ao desenvolvimento do rebanho e do próprio pasto, num processo de simbiose produtiva, como também pode ser uma atividade de destruição do pasto como de perda produtiva do rebanho.

Assim quando o manejo do pasto é feito de forma inadequada, sem adoção de medidas compatíveis com sua manutenção, pode ocorrer o subpastejo ou superpastejo.

Fonte: DERESZ, Fermino; MENDONÇA, Patricia Tristão

Adaptação:   Equipe CPT Cursos Presenciais

Autor(a): Equipe CPT Cursos Presenciais

Data: 08/06/2010


Quero receber promoções
  • imprimir
  • contato
  • twitter
  • facebook
  • orkut

Artigos relacionados!
Gostaria de receber informações sobre nossos cursos? Preencha os campos abaixo:





Confirmação

O CPT Cursos Presenciais garante a você total segurança e confidencialidade em seus dados pessoais.
Preencha os campos abaixo para receber informações completas de promoções e descontos.





Confirmação

O CPT Cursos Presenciais garante a você total segurança e confidencialidade em seus dados pessoais.
  • twitter
  • facebook
  • google+
  • You Tube
  • Linkedin
  • Bradesco
  • Master Card
  • Visa
  • Itaú
  • Site seguro