Artigos e Informativos






O CPT Cursos Presenciais garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Hormônios Relacionados à Reprodução Bovina

Hormônio é uma substância que pode ter natureza diversa (proteína, lipídeos e outros). É produzido em um tecido (fonte), e atua em outro tecido (alvo), modificando a sua fisiologia e, ou morfologia. A ação no tecido alvo depende de estruturas conhecidas como receptores, nas quais o hormônio deve se ligar para exercer sua função.

Os receptores são, geralmente, moléculas compostas de proteínas e carboidratos, presentes nas células-alvo. São estruturas que podem aumentar ou diminuir de quantidade, em determinados momentos, ou mesmo estarem presentes ou ausentes em um tecido, dependendo da fase reprodutiva, na qual o animal se encontra. Muitas vezes, a potência ou atividade de um hormônio está relacionada mais ao número de receptores para o mesmo, que a sua concentração sanguínea ou estrutura molecular.

Discutiremos, a seguir, os principais hormônios relacionados à reprodução da fêmea, o local onde é produzido e suas principais funções:

1. Hormônio Liberador de Gonadotrofinas (GnRH): Sua função básica é estimular a liberação de gonadotrofina (FSH e LH) pela hipófise. É produzido pelo hipotálamo, que é uma estrutura presente no sistema nervoso central.
2. Hormônio Folículo Estimulante: é produzido pela hipófise, sendo secretado em resposta ao GnRH. Age principalmente no nível dos ovários, onde exerce as seguintes funções principais: desenvolvimento folicular; produção de estrógeno pelos folículos; produção de inibina por folículos no final de desenvolvimento; aumento dos receptores para LH nos folículos.
3. Hormônio Luteinizante (LH): é produzido da mesma forma que o FSH, e suas principais funções são: promover a ovulação; formar o corpo lúteo e secreção inicial de progesterona.
4. Estrógeno: é um dos chamados esteróides ovarianos e é produzido pelos folículos em desenvolvimento. Tem várias funções dentro e fora do sistema genital, dentre as quais estão: indução da conduta do estro (cio) (ação no SNC); Aumento da vascularização, contrações e secreções genitais; Controle da secreção de GnRH e gonadotrofina.
5. Progesterona: é também um esteróide ovariano, produzido pelo corpo lúteo. Te como principais funções: Provocar o relaxamento genital, principalmente útero; controlar as secreções uterinas durante o início da gestação; inibir a secreção de GnRH.
6. Inibina: é produzido pelos folículos na sua fase final de desenvolvimento, e tem, basicamente, a função sistêmica de bloquear a síntese do FSH na hipófise.
7. Prostaglandina: é produzido pelo útero e tem a função de provocar a regressão do corpo lúteo, com queda na produção de progesterona.
 

Fonte: MENDES JÚNIOR, José Olavo"Transferência de Embriões e Fecundação In Vitro" Viçosa-MG, CPT, 2005.

Adaptação:   Equipe CPT Cursos Presenciais

Autor(a): Equipe CPT Cursos Presenciais

Data: 16/06/2010


Quero receber promoções
  • imprimir
  • contato
  • twitter
  • facebook
  • orkut

Artigos relacionados!
Gostaria de receber informações sobre nossos cursos? Preencha os campos abaixo:





Confirmação

O CPT Cursos Presenciais garante a você total segurança e confidencialidade em seus dados pessoais.
Preencha os campos abaixo para receber informações completas de promoções e descontos.





Confirmação

O CPT Cursos Presenciais garante a você total segurança e confidencialidade em seus dados pessoais.
  • twitter
  • facebook
  • google+
  • You Tube
  • Linkedin
  • Bradesco
  • Master Card
  • Visa
  • Itaú
  • Site seguro