Artigos e Informativos






O CPT Cursos Presenciais garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Inseminação Artificial em Bovinos: Manuseio do Botijão de Semên

O botijão é um recipiente térmico com isolamento a vácuo, destinado a conservação do sêmen, sendo que para tanto ele deve receber Nitrogênio líquido, que conserva as doses congeladas de sêmen a uma temperatura de -196ºC (cento e noventa e seis graus centígrados negativos) por tempo indeterminado, desde que se mantenha um determinado nível mínimo, abastecendo-o periodicamente.

 

Nas paredes, além do vácuo, há também folhas de alumínio e lã de vidro, que propiciam o necessário isolamento térmico. O botijão é na maioria das vezes composto de seis canecos, cada um contendo de 8 a 10 racks e cada rack com a capacidade de armazenar cerca de 10 palhetas médias (5 na parte superior e 5 na parte inferior), ou cerca de 20 palhetas finas (10 em cima e 10 em baixo). Dessa forma, a capacidade da maioria dos botijões é de 1.200 doses de palhetas finas ou 600 palhetas médias.

O botijão deve ser manipulado com o máximo cuidado para evitar danos que possam resultar em prejuízos. Para diminuir os riscos com o botijão, é aconselhável a construção de uma caixa de madeira para seu acondicionamento. O botijão não pode sofrer choques (batidas), nem movimentos muito bruscos, além de tombar derramando todo o seu conteúdo. O nitrogênio líquido evapora constantemente, devendo o inseminador estar atento para evitar perda de sêmen por falta de nitrogênio.

ATENÇÃO: O botijão nunca deve ficar com nível inferior a 15 cm. Para tanto, o inseminador deverá medir regularmente o seu nível com medidor apropriado.

No momento de retirar o sêmen, não se deve levantar o caneco acima a menos de 5 cm da borda do botijão, para evitar aquecimento das demais doses acima da temperatura. Pode-se utilizar ampolas medidoras que indicam se a temperatura do botijão alcançou níveis acima do permitido.

Resumindo os cuidados com o Botijão de Sêmen: - Medir regularmente o nível de nitrogênio; nunca deixar abaixo de 15 cm. - Manter o controle adequado do uso e aquisição de sêmen, com identificação dos touros e localização dentro do botijão, evitando que os canecos e as raquis sejam levantadas várias vezes a procura de sêmen de um determinado touro no momento da inseminação. - Manter o botijão em ambiente ventilado, seco, ao abrigo de raios solares, fechando-o apenas com sua própria tampa; nunca vedar a tampa para impedir a evaporação do líquido; - O seu conteúdo é líquido e o manuseio incorreto pode causar sérios ferimentos (evite contato com as partes do corpo), sempre que possível use óculos de proteção quando manusear palhetas em nitrogênio. - Não transportar o botijão solto em carrocerias de veículos (deve ser transportado em caixas de madeira, preso na posição vertical, mesmo quando estiver vazio); - Não derrame o líquido em recinto fechado, pois pode provocar asfixia pela redução da quantidade de oxigênio; - Movimentá-lo sempre com 2 pessoas para evitar que seja tombado e sua estrutura interna comprometida.

Fonte: Apostila CPT Cursos Presenciais

Adaptação:   Equipe CPT Cursos Presenciais

Autor(a): Prof. Dr. Luis Fonseca Matos

Data: 28/09/2009


Quero receber promoções
  • imprimir
  • contato
  • twitter
  • facebook
  • orkut

Artigos relacionados!
Gostaria de receber informações sobre nossos cursos? Preencha os campos abaixo:





Confirmação

O CPT Cursos Presenciais garante a você total segurança e confidencialidade em seus dados pessoais.
Preencha os campos abaixo para receber informações completas de promoções e descontos.





Confirmação

O CPT Cursos Presenciais garante a você total segurança e confidencialidade em seus dados pessoais.
  • twitter
  • facebook
  • google+
  • You Tube
  • Linkedin
  • Bradesco
  • Master Card
  • Visa
  • Itaú
  • Site seguro