Artigos e Informativos






O CPT Cursos Presenciais garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Tratamento Anti Helmíntico Via Oral em Animais Domésticos

Nesse tipo de tratamento a droga é fornecida pela boca e pode apresentar de diversas formas:

-Como um líquido na forma de suspensão ou solução. É fornecido por meio de pistolas dosadoras calibradas para doses contínuas e individuais, no caso de rebanhos, e por meio de colheres ou seringas especiais para o uso oral, em casos individuais. Em animais de estimação os anti-helminticos líquidos podem ser fornecidos em tigelas com um pouco de leite açucarado ou pó de chocolate para aguçar o sabor. Dessa maneira, quando o animal ingerir todo o preparado, temos certeza que foi corretamente vermifugado.

-Como comprimidos. São mais utilizados em animais de estimação. Os comprimidos podem ser administrados diretamente na boca, perto da garganta ou envolvendo-se o comprimido em um pedaço de carne ou colocado dentro de um doce. O animal engole sem que faça muito esforço, garantindo um bom tratamento.

-Como um ou granulado, misturado a ração ou mineral ou ainda dissolvido na água. Para bovinos criados extensivamente, em que o manejo se torna difícil ou não se quer estressar os animais, já exitem no mercado anti-helmintico para serem adicionados ao alimento, ao mineral ou à água. O animal ingere a quantidade de alimento ou água ideal à sua manutenção diária e ao mesmo tempo controla a verminose.

Em equinos, quando o anti-helmintico é preparado a partir de um pó dissolvido em água, a maneira mais usual de se adiministrar o produto é pela sonda naso esofágica.

-Na forma de bloco alimentar, em que uma determinada quantidade de droga anti-helmíntica é misturada ao sal comum ou a uma composição alimentar qualquer. Esse material é prensado, formando um bloco resistente que é fornecido aos animais para ser lambido. Dessa maneira o animal se autodosifica.

Nos casos em que se fornece anti-helmíntico para livre consumo dos animais, deve-se ter o cuidado especial com subdoses, principalmente no caso dos mais fracos e jovens que não tem acesso fácil ao alimento tratado e não se saem bem na competição com os animais mais fortes.

-Na forma de Bolus, um dispositivo na forma de capsula, composto de uma droga anti-helmíntica e colocado diretamente no rúmen dos bovinos, através da boca. Esse dispositivo permanece no rúmen por um período relativamente longo e libera gradativamente a droga anti-helmíntica.

-Na forma de pasta, comum para equinos. O produto vem em seringas prontas para uso e se regula o anel do êmbolo de acordo com o peso do animal. Uma vez regualada a seringa, a pasta anti-helmíntica é ingetada dentro da boca e facilmente deglutida.

Fonte: KOHEK Jr., Ivo. Guia de parasitos internos em animais domésticos. São Paulo. Nobel, 1998

Adaptação:   Equipe CPT Cursos Presenciais

Autor(a): Equipe CPT Cursos Presenciais

Data: 21/05/2010


Quero receber promoções
  • imprimir
  • contato
  • twitter
  • facebook
  • orkut

Artigos relacionados!
Gostaria de receber informações sobre nossos cursos? Preencha os campos abaixo:





Confirmação

O CPT Cursos Presenciais garante a você total segurança e confidencialidade em seus dados pessoais.
Preencha os campos abaixo para receber informações completas de promoções e descontos.





Confirmação

O CPT Cursos Presenciais garante a você total segurança e confidencialidade em seus dados pessoais.
  • twitter
  • facebook
  • google+
  • You Tube
  • Linkedin
  • Bradesco
  • Master Card
  • Visa
  • Itaú
  • Site seguro