Artigos e Informativos






O CPT Cursos Presenciais garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Litíase urinária em cães

 

As urolitíases representam um dos principais motivos de queixa em cães com afecções urinárias. Urolitíase, ou litíase urinária, é a formação de cálculos (urolitos) no aparelho urinário (rins, uretra ou bexiga) de um indivíduo. Os cálculos são agregados de material cristalino e matriz, formados quando a urina torna-se supersaturada com substâncias cristalogênicas. Sua composição pode ser decorrente da decomposição de um único tipo mineral ou de distintos minerais que se depositam em camadas ou simplesmente agregam-se à pedra.

Os urólitos podem ser formados em qualquer órgão do trato urinário dos animais, embora em cães a grande maioria ocorra na bexiga. A formação dos urólitos está relacionada a fatores dietéticos e não dietéticos. Entre os fatores não dietéticos estão à raça, idade, infecção do trato urinário e sexo.

A composição da dieta pode interferir tanto no aparecimento quanto na prevenção de recidivas deurolitíases. Metabolismo anormal também pode levar a formação de cálculos, bem como a redução de inibidores de urólitos na urina. Outro fator de risco é a baixa ingestão de líquidos, que resulta em urina concentrada.

As litíases urinárias tendem a serem assintomáticas até causarem obstrução, gerando cólica renal ou uretral. A idade mais frequente de surgimento dos cálculos está entre 1 e 6 anos de idade, nos machos, localizando-se principalmente na bexiga e na uretra. Em cães, as urolitíases representam cerca de 0,4 a 2% das consultas.

Os sinais clínicos observados em animais com urolitíase são a hematúria, disúria e polaquiúria. Em cães machos, pequenos cristais podem passar pela uretra e se alojar na região caudal do pênis, causando obstrução parcial ou total da uretra, provocando intensa dor no animal.

Uma das consequências clínicas mais comuns da urolitíase é a cistite, devido à fricção que o cálculo causa na parede do órgão resultando em sangramento e até bloqueio do fluxo urinário.

O histórico e sinais clínicos apresentados pelo animal são o que serve de base para o diagnóstico, juntamente com exame físico e de urina (urinálise), quanto às suas características físico-químicas, exame do sedimento e cultura bacteriana com identificação e antibiograma. A urina deve ser coletada através do procedimento de cistocentese, por algaliação ou esvaziamento manual através da compressão da bexiga. Radiografias abdominais contrastadas também podem ser úteis no diagnóstico dessa afecção, bem como a ultrassonografia. Exames complementares para verificar se a urolitíase foi causada por algum problema metabólico devem ser feitos, como: exames de sangue – hemograma completo, ureia, creatinina dosagem de proteínas, eletrólitos, dosagem de paratormônio e vitamina D.

O principal objetivo para evitar a formação de urólitos baseia-se na subsaturação da urina, sendo alcançada através da diluição da mesma, já que a urina diluída além de apresentar-se com menor concentração de minerais precursores dos cristais, também favorece o aumento no volume urinário.

Esse aumento de volume reduz a concentração de substâncias litogênicas, além de aumentar a frequência de micção, auxiliando na remoção de qualquer cristal que se forme no trato urinário.

A diurese é obtida através de alguns métodos, como o aumento na ingestão de água e também ingestão de dietas contendo um teor de sódio levemente elevado, devido a seu efeito estimulante em hormônios como vasopressina e angiotensina, ativando o mecanismo da sede.

Quando o tratamento clínico não for suficiente, ou não for possível, o tratamento cirúrgico é recomendado. Este será analisado para conhecer sua composição, sendo possível daí instituir uma terapia para prevenção do reaparecimento de novos urólitos.

 

Fonte: Info Escola

Adaptação:   Equipe CPT Cursos Presenciais

Autor(a): Débora Carvalho Meldau

Data: 07/12/2012


Quero receber promoções
  • imprimir
  • contato
  • twitter
  • facebook
  • orkut

Artigos relacionados!
Gostaria de receber informações sobre nossos cursos? Preencha os campos abaixo:





Confirmação

O CPT Cursos Presenciais garante a você total segurança e confidencialidade em seus dados pessoais.
Preencha os campos abaixo para receber informações completas de promoções e descontos.





Confirmação

O CPT Cursos Presenciais garante a você total segurança e confidencialidade em seus dados pessoais.
  • twitter
  • facebook
  • google+
  • You Tube
  • Linkedin
  • Bradesco
  • Master Card
  • Visa
  • Itaú
  • Site seguro