Notícias e Informativos






O CPT Cursos Presenciais garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Cultura do milho em altas concentrações de alumínio tóxico

Quando há concentração de alumínio no milho que pode o tornar tóxico, uma das recomendações é a utilização de variedades resistentes. Recém lançado a variedade C 747, hibrido triplo, modificado e alta produtividade. A variedade se diferencia por apresentar um ótimo sistema radicular, aliado a uma alta performance, mesmo quando há altas concentrações de alumínio tóxico.

A adubação na cultura do milho baseia-se na disponibilidade de nutrientes presentes no solo e na expectativa de produção de cada lavoura. Com períodos de estiagem durante o desenvolvimento da cultura a produção pode ser limitada. Ao longo de todo ciclo, estima-se um consumo de 480 a 650 mm de água. Assim, no período do florescimento a falta de água pode reduzir, a cada dia, em 6 a 8 % a produção de grãos da planta.

Um estudo feito da raiz do milho constatou uma grande concentração até os 30 cm de profundidade. Porém, as raízes abaixo disto têm papel fundamental na absorção de água pela planta nos períodos de maior escassez. O desenvolvimento do sistema radicular mais profundo tem um impedimento químico, que é o alumínio tóxico.

Quando a raiz possui até 20 cm, o calcário éa solução para o agricultor, pois ele neutraliza o alumínio. Porém, a movimentação do calcário no solo é baixa, o que restringe a sua ação à camada superficial.O alumínio toxico nos solos afeta as raízes, que se alongam lentamente, engrossam e reduzem as ramificações, o que pode ocasionar a desidratação nas pontas

 

 Quais os princípios do manejo integrado de pragas, doenças e plantas daninhas?

Transgênicos. O que é isso?

Como realizar o manejo adequado do milho no sistema de plantio direto?

 

Fonte: Gestão no Campo

Data: 28/10/2013

  • imprimir
  • contato
  • twitter
  • facebook
  • orkut
Notícias relacionadas! Veja mais notícias »
  • twitter
  • facebook
  • google+
  • You Tube
  • Linkedin
  • Bradesco
  • Master Card
  • Visa
  • Itaú
  • Site seguro