Notícias e Informativos






O CPT Cursos Presenciais garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Processo de pré-abate de aves

No pré-abate das aves vários fatores levam ao estresse, o que eleva o nível de perda por mortalidade na chegada para solucionar esses problemas, a cadeia produtiva de frango de corte, busca soluções que objetivam reduzir as perdas e aumentar o lucro de todos os envolvidos no processo do cenário avícola.

Os cuidados devem começar no manejo das aves na granja, desde o transporte e espera até chegar ao abatedouro. Geralmente, há mais perdas durante a espera nos abatedouros, pois às vezes o transporte não é planejado com o objetivo de oferecer um ambiente adequado às aves. As estações do ano, os períodos do dia e as elevadas temperaturas e umidades relativas do ar contribuem ao estresse térmico durante todas as operações pré-abate.

 A construção dos galpões, o manejo da climatização e o tempo de espera dos caminhões nos abatedouros são fatores que podem e devem ser controlados pelas empresas que podem ser feitos através de treinamentos e programas específicos de manejo voltado à redução de perdas por mortalidade, em todo o processo de criação.

Os pontos que se destacam na espera do abate são: as condições climáticas: devem ser favoráveis tendo em vista as estações do ano, os períodos do dia, a temperatura e a umidade levando em consideração que a sensação térmica das aves piora; a distancia granja-abatedouro: determina a decisão a ser tomada quanto ao uso da climatização, assim como o tempo em que os caminhões aguardam no galpão; o tempo de espera: fator de maior variação, com pouca padronização quanto ao intervalo de tempo, sendo o principal fator que determina a eficiência da climatização como agente de remoção de calor das aves.

Durante a espera nos abatedouros deve-se considerar: a adequação do galpão para a etapa de espera: o galpão deve ser climatizado oferecendo bem estar e conforto térmico às aves; o manejo e controle da climatização no galpão de espera: os principais fatores observados fora e dentro do galpão consistem na temperatura e umidade relativa; o molhamento da carga: o molhamento deverá ser realizado quando a umidade relativa do ar estiver abaixo de 50% e com a temperatura elevada; o controle do tempo de espera: para cada fator influente na proporção de aves mortas antes do abate, como cabe à empresa escolher qual destas variáveis possui o maior peso na mortalidade.

Quais são as estapas do abate?

Quais as principais ferramentas e métodos para a realização correta do abate de frangos?

Como identificar o estresse e a qualidade da carne?

Fonte: CPT Cursos Presenciais

Data: 08/10/2013

  • imprimir
  • contato
  • twitter
  • facebook
  • orkut
Notícias relacionadas!
Coccidiose Aviária
Fonte: Revista Científica Eletrônica de Medicina Veterinária
Ler Notícia
Veja mais notícias »
  • twitter
  • facebook
  • google+
  • You Tube
  • Linkedin
  • Bradesco
  • Master Card
  • Visa
  • Itaú
  • Site seguro