Notícias e Informativos






O CPT Cursos Presenciais garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
A cura do umbigo de bezerras

A cura do umbigo de bezerras é essencial para a saúde e desenvolvimento do animal, e está relacionada diretamente com a saúde e produtividade do mesmo, embora alguns produtores negligenciem o procedimento em seus rebanhos.

Ao secar o coto umbilical, bloqueia-se a entrada de vírus e bactérias, além de evitar a atração de insetos e o depósito de ovos.

O procedimento, que deve ser realizado já nos primeiros dias de vida do animal, sendo monitorado de forma periódica, é ainda mais recomendável em locais de grande população de bezerros, pelo fato de acumularem matéria orgânica e ser um ambiente propicio para microorganismos e infecções.

Se o produtor deixar o animal sem a intervenção, é provável que o umbigo seque de 7 a 10 dias, período suficiente para que o animal contraia alguma doença ou apresente quadro de infecção. Por isso é aconselhável que o método seja realizado o quanto antes. 

O procedimento conta com a utilização de iodo 10% e precisa ser realizado por um profissional da medicina veterinária, que precisa estar atendo a higienização, cuidados com manipulação e especificações do produto, que se não for realizado de maneira correta, pode se contaminar e perder a sua eficiência.

 

O processo de cura do umbigo precisa ser feito de maneira correta para gerar os benefícios e evitar complicações. Saiba mais.

Fonte: Rehagro

Data: 28/07/2016

  • imprimir
  • contato
  • twitter
  • facebook
  • orkut
Notícias relacionadas! Veja mais notícias »
  • twitter
  • facebook
  • google+
  • You Tube
  • Linkedin
  • Bradesco
  • Master Card
  • Visa
  • Itaú
  • Site seguro