Notícias e Informativos






O CPT Cursos Presenciais garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Calendário de vacinações para bovinos

Na bovinocultura brasileira, seja ela de corte ou de leite, devemos nos atentar para um calendário básico na vacinação de bovinos, onde a razão de este ser básico se fundamenta na obrigatoriedade da vacinação ser recomendada pelas secretarias de agricultura de cada estado como no caso da FEBRE AFTOSA e também pela ocorrência de doenças comuns nos rebanhos bovinos onde a vacinação não é de obrigatoriedade como a contra a Febre Aftosa, mas é de necessidade dado a sua alta ocorrência no rebanho bovino como a vacinação contra a BRUCELOSE e também contra o CARBÚNCULO (conhecido como Manqueira). O esquema de vacinação: * FEBRE AFTOSA: * Vacinação semestral de todas os animais, machos e fêmeas (desde bezerros recém-nascidos à animais adultos) onde as datas de vacinação são definidas pelas secretarias de agricultura de cada estado, exemplo: no Estado do Paraná a vacinação deve ser feita nos meses de Maio e Novembro. * BRUCELOSE: * A vacinação deve ser feita em apenas FÊMEAS (bezerras e novilhas) com de 4 a 8 meses de idade. NÃO vacinar, em qualquer hipótese animais que passaram por esta idade. Se o criador possuir animais adultos ou queira comprar animais adultos não vacinados, faça o teste sorológico para brucelose, onde animais positivos sendo adultos e os que passaram da época de vacinção devem ser descartados e não vacinados. * CARBÚNCULO: * Todos os animais (machos e fêmeas) devem receber uma primeira dose com revacinação 1 mês após a 1ª vacinação. Após isso os animais devem ser revacinados 1 vez ao ano independemente de data ou idade. Animais jovens (bezerros e bezerras), machos e fêmeas devem receber a vacina da seguinte maneira: filhos de mães já vacinadas devem ser vacinados aos 2 meses de idade e filhos de mães não vacinadas devem receber uma primeira dose com 4 meses de idade sendo a revacinação feita 1 mês seguinte a primeira vacinação. Quanto às outras doenças de importância na criaçao de bovinos com possibilidade de vacinação como Leptospirose, IBR, BVD, Parainfluenza, Vírus Respiratório Sincicial Bovino, Diarréia Neonatal dos Bezerros, Pastereullose, Raiva e Tétano, estas vacinações devem ser realizadas segundo a orientação do Médico Veterinário responsável pelo rebanho, onde este deve estar baseado na ocorrência da(s) doença(s) neste.

Fonte: Dr. Márcio Liboni - Medico Veterinário em Londrina - PR ( Site Saúde Animal - http://www.saudeanimal.com.br)

Data: 27/04/2009

  • imprimir
  • contato
  • twitter
  • facebook
  • orkut
Notícias relacionadas! Veja mais notícias »
  • twitter
  • facebook
  • google+
  • You Tube
  • Linkedin
  • Bradesco
  • Master Card
  • Visa
  • Itaú
  • Site seguro