Notícias e Informativos






O CPT Cursos Presenciais garante a você 100% de segurança e confidencialidade em seus dados pessoais e e-mail.
Síndrome de Horner em cães

Uma doença cuja principal característica é a perda da inervação compreensiva para o globo ocular, bem como o das suas estruturas ao redor. Esta é a Síndrome de Horner em cães.

Os sinais clínicos mais claros da doença podem ser verificados quando há uma alteração da pálpebra superior, que apresenta uma pequena queda, além de diminuição da pupila, afundamento do olho, e dificuldade de visão.  

Os motivos exatos para o surgimento da doença ainda não são totalmente claros para a literatura médica, embora não faltem possibilidades, como traumas, infecções e lesões, as quais podem ser desencadeadoras da Síndrome de Horner. A doença pode estar também relacionada a problemas no cérebro e na medula espinhal, de acordo com alguns estudos.

O diagnóstico preciso é realizado por meio de exames oftalmológicos específicos e neurológicos, quando a causa da doença está atrelada ao cérebro.

Já o tratamento vai depender do grau de avanço da doença e resultado dos testes, sendo que seis meses é a expectativa média de cura, muitas vezes espontânea, dependendo do caso.

 

Seja um profissional destaque na área da oftalmologia em pequenos animais. Clique aqui.

Fonte: Visiopet

Data: 17/10/2016

  • imprimir
  • contato
  • twitter
  • facebook
  • orkut
Notícias relacionadas! Veja mais notícias »
  • twitter
  • facebook
  • google+
  • You Tube
  • Linkedin
  • Bradesco
  • Master Card
  • Visa
  • Itaú
  • Site seguro