Curso de Morfologia e Avaliação de Bovinos de Corte (zebu) para Compra e Seleção

Capacitar tecnicamente o aluno para escolher os melhores reprodutores e matrizes zebuínos com aptidão para corte, associando as características fenotípicas à fundamentação das provas zootécnicas baseadas na avaliação genética. Para informações sobre a próxima turma clique abaixo Quero mais informações Orçamento

Apresentação

Nos últimos anos, as metodologias de avaliação genética em bovinos têm apresentado avanços expressivos na identificação de reprodutores e matrizes melhoradores para produção de carne. Entretanto animais de mesmo peso ou porte podem ter atributos comerciais completamente diferentes, o que torna a avaliação visual um processo indispensável no processo de seleção.

No curso será abordada a origem das principais raças zebuínas criadas no Brasil. Será demonstrado como reconhecer um animal registrado pela Associação Brasileira dos Criadores de Zebu – ABCZ, a metodologia de avaliação fenotípica preconizada por ela, conhecida com EPMURAS, bem como o estudo do padrão racial dos zebuínos.

Serão discutidos também outros métodos de avaliação fenotípica, como CPMU e MERCOS, empregados em fazendas de gado de corte comercial. Serão demonstrados e discutidos a nomenclatura zootécnica das regiões corporais e os principais aspectos fenotípicos dos bovinos de corte, como tamanho e estrutura corporal, conformação, precocidade, características sexuais secundárias e aprumos e sua implicação na seleção, associando-os aos aspectos de produtividade desejados na fazenda. Serão abordados conceitos de melhoramento genético aplicados à bovinocultura de corte, como interação genótipo x ambiente, avaliação genética e interpretação de catálogo de touros (sumário), contextualizando-os à avaliação fenotípica na compra e seleção de animais.

Também será discutida a aplicação da ultrassonografia no animal vivo como ferramenta de seleção fenotípica em bovinos de corte.

O curso será dividido em aulas teóricas e práticas, onde os alunos terão a oportunidade de aplicar individualmente e em grupo todos os conceitos teóricos abordados na avaliação dos animais.

O curso tem como objetivo capacitar tecnicamente o aluno para escolher os melhores reprodutores e matrizes zebuínos com aptidão para corte, associando as características fenotípicas à fundamentação das provas zootécnicas baseadas na avaliação genética.

VOCÊ + Capacitação com conteúdo de alta qualidade + Professores especializados + Estrutura moderna + Muita prática + Networking = Experiência incrível

Veja por que o Curso de Morfologia e Avaliação de Bovinos de Corte (zebu) para Compra e Seleção é um sucesso:

Veja por que fazer o curso de Avaliação Fenotípica do Zebu de corte para compra e seleção:

- Cursos realizados em infraestrutura própria;

- Professor Coordenador altamente qualificado, jurado efetivo da ABCZ com doutorado na área e grande experiência na docência do ensino superior;

- Associação entre avaliação visual dos animais e sua relação com a eficiência do sistema de produção das fazendas de corte;

- Abordagem dos principais conceitos de melhoramento genético animal e sua aplicação prática no sistema de produção de bovinos de corte;

- Número de animais suficientes para todos os alunos praticarem com qualidade;

- Turmas limitadas, permitindo assim um treinamento mais intensivo;

- Hospedagem em um dos melhores hotéis da cidade já incluso no pacote do curso;

- Material didático completo e atualizado;

- Alimentação com café da manhã, almoço e lanche da tarde já incluso no pacote do curso;

- Cursos realizados e certificados por uma das empresas mais conceituadas da América Latina nesta área.

Para quem é este curso?

Estudantes, técnicos e profissionais das áreas de agronomia, zootecnia e medicina veterinária e produtores rurais.

O que você vai aprender

1 - Origem e breve histórico das principais raças zebuínas criadas no Brasil

- origem das raças Nelore, guzerá, Indubrasil, Tabapuã e Brahman

- Panorama da pecuária de corte no Brasil

2 - Como reconhecer um animal registrado pela ABCZ através do fenótipo

- animal puro de origem (P.O)

- animal de livro aberto (L.A)

- animal de registro genealógico de nascimento (RGN)

- animal de registro genealógico definitivo (RGD)

- animal oriundo de transferência de Embriões (TE)

- animal oriundo de fecundação in Vitro (FIV)

- animal oriundo de Clonagem (TN)

3 - Discussão da metodologia de avaliação visual utilizada pela ABCZ, conhecida como EPMURAS

4 - Estudo do padrão racial dos zebuínos

- características fenotípicas ideais gerais que devem ser buscadas em todas as raças zebuínas para corte, com ênfase no padrão racial da raça Nelore

5 - Estudo da nomenclatura zootécnica corporal dos bovinos

6 - Apresentação e discussão de métodos de avaliação fenotípica sugeridos pelos programas de melhoramento e empregados nas fazendas de gado de corte e sua implicação no processo de seleção e/ou compra dos animais

- CPMU (C = conformação, P = precocidade, M = musculatura e U = umbigo)

- MERCOS (M = musculosidade, E = estrutura física, R = aspectos raciais, C = conformação, O = ônfalo (umbigo) e S = características sexuais)

- Demonstração de outras formas simples e práticas de avaliação visual aplicadas às diversas faixas etárias do rebanho pela divisão dos animais em grupos, de acordo com as características fenotípicas e critérios pré-estabelecidos

7 - Associação entre os conceitos de melhoramento animal aplicados à bovinocultura de corte contextualizando-os à avaliação fenotípica

- melhoramento genético (fenótipo, genótipo, ambiente, interação genótipo x ambiente, herdabilidade, diferencial de seleção, intensidade de seleção, ganho genético e as principais correlações genéticas existentes entre as características alvo de seleção nos bovinos de corte)

 - MGT (mérito genético total)

- DEP (diferença esperada na progênie)

- acurácia

- utilização da ultrassonografia no animal vivo como uma ferramenta para obtenção de dados fenotípicos, como a área de olho de lombo (AOL) e espessura de gordura subcutânea (EGS) e sua implicação na seleção de bovinos de corte

CARGA HORÁRIA: 27 horas

 

ATENÇÃO: O certificado será emitido apenas para os alunos que completarem a carga horária integral do curso.

Como funciona o curso

A avaliação fenotípica dos zebuínos de corte não se resume ao julgamento das características raciais. É preciso avaliar o animal como um todo, inserido no sistema de produção de carne, que atualmente apresenta margem de lucro cada vez mais estreita. Isso força técnicos e produtores a investir sistematicamente em novas tecnologias para aumentar a eficiência de produção das fazendas de corte. Neste contexto aparece a avaliação fenotípica (visual) dos animais, que se realizada de forma e época corretas se constitui numa importante ferramenta de seleção. Por se tratar de uma metodologia confiável, de baixo custo e indolor aos animais, pode ser empregada na seleção massal por qualquer pessoa, desde que treinada e de posse dos conhecimentos básicos de melhoramento genético animal e do sistema de produção de bovinos de corte no Brasil.

O curso de Avaliação fenotípica de bovinosde corte (zebu) para compra e seleção é composto por aulas teóricas e práticas, ministradas por professores com vasta experiência na área, onde os alunos têm a oportunidade de aprendizagem a campo.

Ao início do curso, os alunos recebem o material didático contendo apostila impressa e CD-ROM interativo, com fotos, vídeos e artigos técnicos, constituindo-se uma ferramenta a mais para o seu aprendizado e como fonte para consultas posteriores.

As aulas teóricas são realizadas numa moderna sala de aula equipada com aparelhos de áudio-vídeo de última geração, onde é apresentado todo o conteúdo da programação.

A parte teórica do curso é dividida em quatro etapas:

Primeira etapa: apresentação e discussão dos conceitos básicos de melhoramento genético animal (fenótipo, genótipo, interação genótipo x ambiente, herdabilidade, diferencial de seleção, ganho genético, grupos contemporâneos, DEP e acurácia) aplicados à bovinocultura de corte e sua importância na seleção dos animais. Discussão da avaliação fenotípica como critério de seleção inserida neste contexto.

Segunda etapa: apresentação das principais raças zebuínas de corte criadas no Brasil (Nelore e Nelore Mocho, Brahman, Guzerá, Tabapuã e Indubrasil), suas características morfológicas e raciais. Avaliação das regiões anatômicas dos zebuínos de corte e sua nomenclatura zootécnica.  Interpretação das marcações realizadas pela Associação Brasileira dos Criadores de Zebu (ABCZ)nos animais: como reconhecer se um animal possui registro genealógico de nascimento (RGN) e/ou definitivo (RGD), se é P.O. ou L.A., e se é oriundo de FIV, TE ou clonagem.

Terceira etapa: apresentação e discussão das metodologias utilizadas a campo na avaliação fenotípica dos animais: EPMURAS (ABCZ), CPMU e MERCOSe as correlações existentes entre os resultados dessas avaliações e a produção de carcaças de melhor qualidade. Discussão sobre as medidas da área de olho de lombo (AOL) e da espessura de gordura subcutânea (EGS) obtida por ultrassonografia no animal vivo, associadas à avaliação fenotípica como critério de seleção de gado de corte e os impactos sobre o sistema de produção de carne como um todo.

Quarta etapa: associação entre a avaliação fenotípica e os resultados de avaliação genética existentes, visando à escolha de reprodutores para acasalamentos dirigidos, de acordo com a necessidade do pecuarista. Interpretação dos dados (DEPs, acurácia, marcadores moleculares, avaliação linear) existentes nos sumários de touros dos principais testes de progênie realizados no Brasil e os impactos desta escolha sobre o sistema de produção.

Para garantir o aproveitamento, nas aulas práticas do curso de Avaliação fenotípica de bovinosde corte (zebu) para compra e seleção, a empresa dispõe de um número de animais da raça Nelore suficiente para atender a todos participantes.

A parte prática do curso é dividida nas seguintes etapas:

Primeira etapa: demonstração detalhada de como se realiza a avaliação fenotípica em um lote de animais, considerando a idade e o sexo e suas implicações. São discutidas as formas de avaliação EPMURAS (ABCZ), CPMU e MERCOS.

Segunda etapa: os alunos são divididos em três grupos (A, B e C) para a realização da avaliação fenotípica em outros animais, sob a supervisão do professor.

Terceira etapa: os animais de cada lote disponíveis para avaliação são identificados por números, de 1 a 10. Cada aluno recebe uma ficha (planilha) contendo o número e o lote do animal e as características que devem ser avaliadas, para onde são transcritas as notas das avaliações. Este processo é realizado individualmente e posteriormente discutido com o grupo.

Quarta etapa: repetição das atividades da terceira etapa, mas com a troca de ordem dos lotes de animais avaliados, visando a fixação do conteúdo.

Quinta etapa: avaliação e interpretação do sumário de touros das raças zebuínas de corte e a indicação de reprodutores para acasalamentos corretivos, de acordo com o(s) lote(s) de fêmeas avaliado(s).

A avaliação fenotípica de todos os animais é realizada por todos os alunos e o CPT Cursos Presenciais disponibiliza um número de animais suficiente para condução do curso de forma didática e com alta qualidade.

Ao término do curso, é realizada a entrega dos certificados de conclusão com sua respectiva carga horária.

Com toda esta abordagem teórica e prática, os alunos têm a oportunidade de adquirir os conhecimentos necessários para a aprendizagem e realização a campo de seus trabalhos.

} }

Professores

Clarindo Inácio de Aparecida Queiroz

Professor

- Graduado em Zootecnica pela Universidade Federal de Viçosa - UFV

- Mestrado em Zootecnia pela universidade Federal de Minas Gerais - UFV

- Doutorado em Zootecnia pela Universidade Federal de Viçosa - UFV

- Pós-Doutorado pela Universidade Federal de Minas Gerais - UFV

- Especialização em Julgamento das Raças Zebuínas pela Faculdade de Zootecnia de Uberaba, FAZU, Brasil;

- Juiz efetivo e membro do colégio de jurados da ABCZ.

O que nossos alunos dizem

Como podemos te ajudar?

Receba Mais informações e Orçamentos

Perguntas Frequentes

Nossos cursos são realizados em Viçosa- MG, cidade universitária reconhecida internacionalmente pela excelência em ensino e educação. Aqui temos unidades práticas de ensino, com infraestrutura toda completa, moderna, direcionada para o treinamento prático intensivo. Temos uma estrutura feita para você ter uma experiência incrível e única.

Resposta Resposta

Nossos cursos têm duração de 2 a 4 dias, depende do curso escolhido. Você pode optar em realizar mais de 1 curso, o que é muito comum, pois gera várias vantagens como a economia no deslocamento e a possibilidade de ganhar o Certificado Ouro, onde o aluno opta por realizar o pacote de cursos de determinada área e torna-se expert no assunto, clique aqui para saber mais.

Resposta Resposta

Você poderá realizar o pagamento através de transferência, depósito, cheque, cartão ou dinheiro. Temos formas facilitadas de até 12x. Confira com uma de nossas consultoras a melhor opção para você, é só clicar aqui e enviar seu telefone para entrarmos em contato com você.

Resposta Resposta

Com certeza sim, em nossos certificados vão todos os detalhes. E outro ponto positivo, a empresa é reconhecida em todo o Brasil por sua excelência de ensino, com certeza fará diferença na hora de analisarem o seu currículo.

Resposta Resposta

É muito fácil! Envie o seu telefone e email no formulário, clicando aqui e deixe as suas dúvidas. Uma de nossas consultoras entrará em contato o mais rápido possível para esclarecer todas as suas questões.

Resposta Resposta

Emitimos certificados com toda a programação do curso, carga horária e servem para provas de títulos, contribuindo com a carga horária e conteúdo. Nossa empresa é regulamentada pelo órgão responsável pelo setor, CRMV, onde segue todas as leis e normas exigidas por ele.

Resposta Resposta

Receba gratuitamente nossas dicas para o seu sucesso.

*
*
Prometemos não utilizar suas informações de contato para enviar qualquer tipo de SPAM.