Saiba como produzir queijos em sua propriedade e aumente sua rentabilidade!

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
como produzir queijos

A produção de que derivados do leite utiliza cerca de 60% do produto aqui no Brasil. Além disso, é um negócio rentável tendo em vista que agrega valor à matéria prima e tem possibilidade de chegar a outros mercados. É por isso que, pecuaristas de leite estão buscando alternativas para aumentar o rendimento da propriedade entendendo como produzir queijos para aumentar a rentabilidade.

Se você quer saber como produzir queijos, veio ao lugar certo. Neste artigo vamos explicar o que é preciso para abrir uma queijaria e deixar o negócio adequado às exigências legais e também dos clientes. 

Confira! 

Panorama de mercado

Sabemos que o preço do leite in natura é baixo. Por isso, muitos pecuaristas estão investindo em formas de agregar valor ao produto e tornar a fazenda competitiva. 

Por outro lado, o mercado de queijos está em ascensão e, esse produto pode ter um valor bem mais elevado, dependendo do seu tipo e dos processos utilizados. 

Mais do que isso, saber como produzir queijos é uma possibilidade de expandir a cartela de clientes pois pode ser comercializado em restaurantes, lanchonetes hotéis e eventos que promovem degustação de queijos e vinhos, por exemplo. Sem contar que, pode ser empregado na matéria de prima de outros produtos, como pão-de-queijo. 

Também é importante salientar que existem diversas possibilidades quando se trata de queijo. Por exemplo: 

  • Minas
  • Provolone 
  • Parmesão 
  • Requeijão
  • Ricota
  • Cheddar
  • Gouda
  • Queijos finos

Então, depois de entender como produzir queijos em sua propriedade, você pode definir qual é o tipo que mais combina com o seu perfil e que trará os resultados esperados, seguindo as dicas que serão listadas a seguir! 

Concorrência

É importante que, antes de começar a produzir queijos, o empreendedor faça um estudo de mercado. Nesse momento, é ideal conhecer como é feita a fabricação na região, quais sãos os processos utilizados, qual a tecnologia utilizada, número de clientes e também o volume de vendas. 

Diante desse cenário é possível entender qual a fatia do mercado pode ser potencialmente alcançada e qual o lucro esperado diante de todos os custos. 

Tipos de fábrica de queijo

Para o pecuarista que está começando, outra dica de como produzir queijos é entender qual será o tipo de fábrica. Aqui, vamos tratar das fábricas de queijo artesanais que são mais comuns para quem quer expandir um negócio no âmbito da agricultura familiar. 

Mesmo no modelo artesanal, é possível produzir mais ou menos 100 variedades de tipos de queijo. 

A produção artesanal deverá, no entanto, ser desenvolvida com higiene em processos livre de contaminação desde a retirada do leite até o consumo do queijo pronto.

Estrutura recomendada 

Para montar uma fábrica de queijos também é importante que as instalações estejam adequadas ao volume de matéria prima e os tipos de queijos que serão produzidos

A estrutura deverá ter uma área para produção do queijo, área para recepção de matéria-prima, área para depósito de produtos acabados e área para administração de vendas com escritório.

Já na área de produção, é preciso que haja uma câmara de salga, em seguida, os produtos precisam ser removidos para a câmara de maturação e por fim, a câmara de embalagem. 

Além disso, é necessário ter também depósitos de produtos embalados e depósitos para condimentos que são complementares para a produção de queijos.

É importante que cada área de produção tenha 

cuidados próprios para evitar contaminação e baixa qualidade do produto. 

Processo Produtivo

Se você está querendo saber como produzir queijos em sua propriedade, é preciso ter em mente também de que modo ocorre o seu processo produtivo. 

O produto é feito a partir do soro de leite de vaca, cabra e até de ovelha, que deve ser fresco e maturado ou reconstituído. É importante destacar que o leite reconstituído é o leite integral, desnatado ou de soros lácteos e coalhados.

Desse modo, o processo de fabricação de queijos compreende o andamento das etapas, desde o recebimento da matéria-prima até a entrega para o consumidor final. 

De modo simplificado, o caminho que o produto percorre até ser comercializado é o seguinte: 

O leite é selecionado ↔ leite coagulado ↔ tratamento de massa ↔ colocação em formas ↔ depois da desenformagem o queijo é prensado ↔ salgado ↔ curado ↔ armazenado e por fim comercializado.

Equipamentos necessários

Outra aspecto importante ao montar uma fábrica de queijos são os utensílios e maquinários necessários. Eles devem ser fáceis de serem higienizados e de serem transportados. Aqui também é essencial ter conhecimento da quantidade de queijo será produzido e qual o tipo, para que os equipamentos sejam adequados. 

Além do maquinário, o estabelecimento deve reunir  armários e prateleiras,utensílios auxiliares como termômetros, agitador, lira de aço inoxidável, garfos e outros itens. E ainda, frigoríficos, prensa manual, pasteurizador, tanque de fabricação, resfriador, balcão refrigerado e outros.

Pessoal

Ao montar uma fábrica e começar a produzir queijos você também vai precisar de uma equipe especializada. É preciso que, mais do que conhecimento técnico também sejam cuidados e disciplinados, pois esse trabalho exige muita atenção quanto a higiene e segurança. 

Legislação

Existem uma série de exigências legais que precisam ser estudadas antes mesmo de saber como produzir queijos na propriedade. Sobre esse assunto, existem várias etapas que devem ser obedecidas de acordo com cada órgão responsável. A seguir, listamos um resumo do que você precisa saber: 

  • Secretaria de Inspeção Federal: inspeciona a planta industrial, a situação das construções e  terreno, plantas de escritório, inspeções e vestiários. 
  • Normas para dependência da fábrica: tratamento de efluentes, equipamentos e até fluxo de processos de fabricação.
  • Ministério da agricultura e Avisa: estabelecem normas e técnicas para fabricação de queijos. 

Agora que você já sabe como produzir queijos e por onde começar, é preciso avaliar todos os aspectos para que a sua fábrica esteja de acordo com as normas e possa ser rentável. 

Ainda está perdido? Temos uma dica extra para você! Confira: 

Curso de Instalação de Queijaria e Controle de Qualidade

Fonte: Novo Negócio e Sebrae

  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Artigos Relacionados