Quando é feita a avaliação de precocidade sexual em touros?

precocidade sexual em touros

Diante de uma competitividade econômica maior e dos avanços na tecnologia, aumentar a produtividade é um dos objetivos da pecuária atual. Nesse sentido, uma alternativa que vem interessando a pecuária é a busca pela precocidade sexual em touros. 

Se entende como antecipação sexual, a introdução de animais mais jovens no ciclo reprodutivo. Utilizar esse manejo é papel crucial na taxa de desfrute de um rebanho, uma vez que os touros precoces apresentam sêmen com elevada qualidade. Todavia, para que haja bons resultados, o médico veterinário que atua com bovinos deve saber realizar uma avaliação específica do touro.

Leia no artigo abaixo como avaliar corretamente o animal e conheça quais os benefícios de aderir à precocidade sexual em um rebanho. 

Vantagens da antecipação da puberdade em touros

Um tourinho que entra em puberdade precocemente pode alcançar sua maturidade sexual em tempo de ser utilizado para reprodução ainda na segunda estação de monta. O que não aconteceria, por exemplo, com um touro que entra em puberdade após os 15 meses. Portanto, a principal vantagem da precocidade sexual é o número de gerações nascidas em  períodos menores.

O fato de antecipar a puberdade também aumenta a perspectiva dos machos apresentarem maior qualidade de sêmen. Além disso, a possibilidade de eliminar a fase de recria de um touro gera uma economia substancial na produção, além de acelerar o processo de melhoramento genético. 

Porém, é importante salientar que a idade à puberdade está diretamente relacionada a fatores genéticos, condições nutricionais pré-desmama e pós desmama, manejo e até mesmo a linhagem dentro da raça. Logo, são necessários diversos cuidados para garantir a antecipação segura e lucrativa. 

Como é a avaliação de precocidade sexual em bovinos 

Determinar a ocorrência da puberdade requer uma análise por parte de médicos veterinários. Delimita-se esse período como a idade em que o touro produz ejaculado com o mínimo de 50 milhões de espermatozóides e com 10% de motilidade progressiva. No caso dos touros, as alterações nas características corporais têm correlação com a fase reprodutiva. 

Portanto, durante uma avaliação deve-se considerar o acúmulo de tecido adiposo, principalmente nas regiões do patinho, picanha, linha dorso-lombar, paleta e peito. Além do peso, a altura e largura da garupa, o perímetro do tórax, ter a virilha baixa e ter o comprimento de costelas maior do que sua altura ao solo, também estão diretamente relacionados com a etapa puberal e a maturidade sexual.

Entretanto, vale ressaltar que a boa avaliação de precocidade sexual em touros não deve ser feita apenas visualmente. A confirmação da puberdade é altamente específica e alguns exames não devem ficar de fora. 

O exame andrológico para avaliar touros 

O exame andrológico em bovinos serve para selecionar touros reprodutores e acompanhar seu desenvolvimento, sendo fundamental para identificar a ocorrência de problemas de subfertilidade ou infertilidade nos machos. É um procedimento que deve ser feito regularmente, mas é ainda mais essencial em relações comerciais e para definir a precocidade sexual.

A avaliação se inicia com uma anamnese do animal, seguido pela análise dos órgãos genitais internos e externos por meio da palpação e ultrassonografia, um espermograma para avaliar a qualidade do sêmen e, por fim, um exame da libido ou comportamento sexual do touro. 

Ao longo do exame ultrassonográfico o médico veterinário poderá constatar se há precocidade sexual quando a parênquima testicular tem alterações durante o desenvolvimento, com proliferação celular e produção de fluídos, e o aumento da ecodensidade dos testículos.

Se interessa pela área de reprodução bovina? Aprenda mais com o Curso de Exame Andrológico e Congelamento de Sêmen Bovino e invista em avaliações de precocidade sexual em touros para garantir mais lucratividade!

Fontes: Shop Veterinário, CPT Cursos Presenciais, N.T.Miranda, E.V. Costa e Silva, B.X. Ferreira , V.L.D. Queiroz , L.C.C. Costa Filho, C.E.S.N. Zúccari, Assessoria Agropecuária

Artigos Relacionados