Barragem para irrigação: o que é e para que serve?

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
Barragem para irrigação

A construção de barragem para irrigação é uma alternativa para captar água da chuva ou de rios e assegurar a rega das plantações. Em regiões cujas mudanças climáticas interferem nos regimes de chuva, esse sistema auxilia na manutenção das culturas nos meses de seca. O sistema consiste em uma estrutura transversal à corrente de água para criar um reservatório artificial.

Em virtude da crise hídrica enfrentada no Brasil, é fundamental investir em mecanismos que reciclam a água das chuvas e  a utilizam de forma sustentável. Fazer a gestão correta é benéfico para o meio ambiente e para a propriedade. Porém, fica alerta, todo o procedimento só pode ser conduzido segundo o regulamento dos órgãos responsáveis.

A seguir, saiba como é o funcionamento de uma barragem para irrigação, as indicações de uso e as regras para serem seguidas. 

Como funciona?

Também conhecida como açude, para captação de água pluvial, e represa, quando é abastecido por rios ou córregos, a barragem para irrigação tem diferentes funcionalidades para as propriedades rurais como:

  • captar e armazenar água que será usada para regar as culturas;
  • servir para o estabelecimento de rodas d’água de bombeamento;
  • aumentar o nível de água de um rio para poder captar;
  • até mesmo, criar peixes em tanques.

São quatro tipos de barragem para irrigação conforme a demanda do local e classificadas como:

  • concreto: o tipo gravidade é mais resistente e os cuidados regulares são mais baratos. A altura é restringida em razão da resistência da fundação. Já o tipo arco é incomum e é encontrado no continente europeu. Por sua vez, o modelo com contraforte usa laje de concreto e é mantido por contrafortes;
  • enrocamento: usa blocos de pedra de tamanhos diferentes e uma membrana impermeável para seu montante. Pode ser feita com núcleo impermeável ou face impermeável;
  • mista: utiliza diferentes materiais. Por exemplo: terra-enrocamento, terra-concreto e enrocamento-concreto.
  • terra: muito usada no Brasil, é uma barragem para vales largos e empregada para armazenamento de água. É simples de ser executada e sua fundação exige menos requisitos. São separadas em duas categorias — homogêneas e zoneadas.

Cabe destacar que a barragem para irrigação de terra requer atenção nas etapas de compactação, verificação e acompanhamento frequente dos locais mais frágeis e com chances de vazamento.

Indicações da barragem para irrigação

O uso deste recurso é recomendado para propriedades que visam atingir a eficácia hídrica das culturas e ter bons resultados na colheita. Fique atento aos componentes da barragem de terra, à avaliação do local adequado e às técnicas a serem empregadas. O solo precisa ser analisado para saber se é arenoso, úmido ou parcialmente alagado, firme e profundo, ou com afloramento rochoso.

Contudo, antes de instalar, é fundamental conhecer os critérios que devem ser obedecidos. A construção irregular da barragem para irrigação acarreta danos para o meio ambiente e até sanções jurídicas para sua remoção. Por isso, veja quais são os parâmetros para instalação e as medidas de seguranças.

Regras e cuidados

Evitar impactos socioambientais exige cautela na hora de criar uma barragem para irrigação. Logo, é obrigatório ter licenciamento ambiental para construir, instalar, ampliar e colocar em funcionamento.

O Sistema Nacional de Gerenciamento de Recursos Hídricos e a Política Nacional de Recursos Hídricos estabelecem as normas para as barragens e uso correto das águas. Entre os requisitos, estão a outorga, que pode variar a exigência conforme o caso, direito de uso e registro de uso no órgão competente.

Deve-se respeitar o período correto para a criação da barragem para irrigação. A  época de seca é mais adequada para  a construção, devido ao nível da água. Outras etapas são: limpar o terreno, fazer a marcação da largura da crista, da abertura da vala, do núcleo impermeável, da base da barragem, assim como construir o desarenador e o maciço de terra, verificar a inclinação dos taludes e o nivelamento da crista.

Agora que você sabe quais são as importâncias da barragem para irrigação, invista em capacitação para otimizar sua propriedade. O Curso de Projetos de Sistemas de Irrigação é essencial para que você conheça a demanda hídrica de cada cultura, assim, como planejar a barragem que mais se adéqua às necessidades da sua propriedade!

Fontes: Unipampa; CNA Brasil; CNMP; FAO.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Artigos Relacionados