Cães e fumaça do cigarro: Uma relação perigosa

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

O uso do cigarro, como é de conhecimento de todos, causam sérios danos à saúde humana, porém o que muitos não sabem é que a fumaça também pode afetar à saúde dos cães e  gatos.

Os animais exposto a fumaça do cigarro pode apresentar casos de rinite, traqueite, bronquite podendo também desenvolver carcinoma pulmonar, pneumopatia e cardiopatia secundária.

Os sintomas observados são tosse e espirro frequente e é recomendável que o dono levo o animal em um médico veterinário, a fim de realizar exames diagnósticos como raio x do tórax, tomografia, ecocardiograma, hemograma, entre outros.

O abandono do vício é a melhor maneira de prevenção de doenças causadas pelo tabaco, tanto nos seres humanos, como nos animais que ficam expostos à fumaça. Fumar em locais abertos e longe dos animais e da família também nãos os colocará em risco, somente aquele que faz o uso do tabaco.

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •  
Sem categoria

Atualizado em: 8 de outubro de 2018

Artigos Relacionados