Como produzir silagem de qualidade para o gado?

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
Como produzir silagem

A alimentação do gado é composta, basicamente, por alimentos concentrados e volumosos. O grande desafio na oferta de volumosos, compostos por fibras vegetais, é a oferta regular o ano todo, devido a escassez de folhagem na época de seca. Nesse sentido, a silagem atua como substituto importante para complementar a alimentação a pasto para o rebanho. E é por isso que muitos pecuaristas buscam entender como produzir silagem de qualidade dentro da propriedade. Esse é o seu caso?  

A utilização da silagem é essencial para garantir a eficiência da criação de rebanho o ano todo. Afinal, manter a oferta de nutrientes equilibradas deve fazer parte do programa nutricional visando aumento da produção de leite e, consequentemente maior lucratividade. 

No entanto, para saber como produzir silagem é preciso ter conhecer os melhores ingredientes, as técnicas corretas e ter um planejamento adequado. 

Continue a leitura desse artigo e entenda mais sobre esse assunto! 

Composição da silagem e sua importância

De modo geral, podemos dizer que a silagem é um alimento que resulta da fermentação de forrageiras armazenadas em silos por bactérias. Esse processo é denominado ensilagem. Tal processo deve ser feito com a planta forrageira cortada na época certa e em seguida compactada nos silos que posteriormente serão vedados. 

Se todas as etapas forem executadas de maneira correta, o seu valor nutritivo é semelhante ao da forrageira verde. Além de ser uma alternativa ao pasto, também é excelente para alimentação de gado confinado. 

As principais plantas forrageiras utilizadas na composição da silagem são: 

  • Milho, sorgo, girassol e milheto; 
  • Cana-de-açúcar; 
  • Brachiaria; 
  • Capim elefante; 
  • Mombaça, Tanzânia, Colonião e Tobiatã

A produção de silagem na propriedade pode trazer benefícios como: 

  • Manter um maior número de animais por unidade de terra;
  • Auxiliar na maximização ou manutenção da produção, em especial, em épocas de seca;
  • Ter animais bem nutridos; 
  • Proporciona uma armazenagem de grande volume de alimento em pouco espaço.

Como produzir silagem na propriedade? 

Em primeiro lugar, para entender como produzir silagem de boa qualidade é preciso compreender que são vários processos. Se executados com qualidade, irá refletir no aumento da produção de leite do rebanho. 

É por essa razão que, podemos dizer que um bom produtor de leite é também um bom gestor da fazenda, afinal, a boa qualidade da silagem depende de uma lavoura adequada assim um bom processo de ensilagem. 

A seguir, explicaremos cada uma das etapas sobre como produzir silagem de qualidade para o rebanho. 

Planejamento

O planejamento é essencial para mensurar os custos e os riscos da produção. É preciso ter em mente a necessidade de alocar tratores, ensilhadeiras, caminhões e quadro pessoal para suprir a demanda da sua fazenda. 

É importante destacar que a produção da silagem não pode ser pensada apenas no período da seca, quando os animais necessitam do alimento. Mas sim, como um planejamento do ano inteiro como forma de aumentar a produtividade. 

A importância do solo

A plantação das forrageiras precisa absorver nutrientes de forma e quantidade correta para garantir a sua qualidade. É por isso que devem ser feitas análises periódicas no solo para realizar as correções, quando necessárias. 

Também é essencial nutrir o solo com microelementos que garantam que a silagem produzida atenderá às demandas do rebanho. E claro, fazer o controle de pragas e ervas daninhas. 

Mais do que isso, ao conhecer o solo, você poderá escolher a plantação que melhor vai se desenvolver de acordo com essas características.

Cuidado com a lavoura

Para atingir o seu máximo potencial, o silo precisa de matéria prima de qualidade. Afinal, mesmo que a ensilagem seja feita de forma adequada, um insumo de baixo valor nutritivo não terá em sua composição nutrientes como nitrogênio e potássio. 

Após a preparação do solo o plantio deve ser feito observando fatores climáticos de umidade e temperatura. Normalmente o plantio ocorre no início do período chuvoso, nos meses de setembro a novembro.

Hora da colheita

O momento da colheita é um dos pontos cruciais em todo processo de produção de silagem. Toda qualidade e produtividade da ensilagem dependem de que essa etapa seja bem executada. Afinal, a colheita na hora certa aperfeiçoa o valor nutricional fornecendo açúcares necessários para que as bactérias realizem a fermentação.  

Normalmente, o ponto de corte se dá por volta do 30º dia após o florescimento. No caso do milho e forrageiras, o corte se dá quando a espiga apresentar 2/3 da linha do leite (entre 30% a 35% de MS) ou em com 70% de amido acumulado. 

Vedação e ensilagem

Esse é um dos momentos mais críticos de todo o processo. É preciso garantir boas práticas de acondicionamento, armazenagem e vedação para que a fermentação ocorra da forma correta. Já a compactação visa retirar o máximo de oxigênio possível para potencializar a fermentação e consequentemente a qualidade da silagem. 

Retirada da Silagem

Chegando na fase final do processo, é preciso atenção para evitar perdas desnecessárias. Nesse momento é importante descartar 15 cm da superfície da silagem pois é onde se encontram fungos e bactérias que não são desejadas. Então, a silagem retirada deve ser fornecida ao rebanho o mais rápido possível, nunca deixando de um dia para o outro entre a retirada e a alimentação do gado.

Resumo das Etapas da produção da silagem

  • Maio e junho – Análise de solo do pasto e aplicação de fertilizante
  • Setembro – Retirada dos animais do pasto para a rebrota do capim e formação da palhada
  • Outubro – Aplicação de herbicida dessecante
  • Novembro – Plantio direto do milho e duas adubações de cobertura
  • Dezembro – Pulverização para controle de pragas
  • Fevereiro e março – Colheita e ensilagem

Portanto, seguir todos esses passos é essencial para garantir a boa qualidade e a nutrição correta do rebanho. 

E você, quer aprender como produzir silagem de qualidade para o gado? Confira essa dica especial: 

Curso Online de Produção e Utilização de Silagem

Infoescola, Semagro e Ruralpecuária

  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Artigos Relacionados