Conab: estoques já preocupam

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Os estoques de grãos do governo federal localizados nos estados do Centro-Sul e Nordeste do país estão sendo inspecionados por equipes especializadas da Conab (Companhia Nacional de Abastecimento). A fiscalização em Minas Gerais começou no dia 22 de julho e o prazo normal para término das vistorias é estimado em 20 dias, tanto nos armazéns próprios do órgão quanto em unidades terceirizadas. Uma constatação é que os níveis atuais de grãos estocados são preocupantes. De acordo com o superintendente de Fiscalização da Conab, José Newton, o trabalho é tanto quantitativo quanto qualitativo, como forma de mensurar os estoques. "Os armazéns são credenciados junto à Conab e, caso seja encontrada alguma irregularidade, como, por exemplo, desvio de produto, a unidade é descredenciada. Para realizar esse serviço, utilizamos tanto fiscais do Estado quanto os de Brasília em esquema de rodízio", explica.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •  
Sem categoria

Atualizado em: 24 de julho de 2008

Artigos Relacionados