Exportadores de café brigam pelo número 2

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A disputa pela liderança nas exportações brasileiras de café verde começou a ficar mais acirrada nos últimos anos, com a entrada de novas empresas, entre elas as torrefadoras, e pela estratégia mais agressiva das tradicionais companhias do setor. Mas a briga não é para assumir o primeiro lugar no ranking, uma vez que a Unicafé reina absoluta há 18 anos nessa posição. O alvo das maiores exportadoras instaladas no país é alcançar a vice-liderança. Essa posição foi conquistada pela Cooxupé (Cooperativa Regional de Cafeicultores em Guaxupé), de Minas Gerais. Há duas safras, a 2006/2007 e a 2007/2008, encerrada em junho passado, a Cooxupé mantém-se como a segunda maior exportadora do país, conforme o Cecafé (Conselho dos Exportadores de Café do Brasil). Em 2005/2006, ocupava a quarta colocação. "Tem sido um trabalho de formiguinha", afirma Joaquim Libânio Ferreira Leite, diretor de exportação da maior cooperativa do país.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •  
Sem categoria

Atualizado em: 8 de outubro de 2018

Artigos Relacionados