Governo faz leilões de apoio ao mercado de milho

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A Conab vai realizar, na próxima semana, dois leilões de apoio à comercialização e abastecimento de milho. Na terça-feira (12), serão ofertados 708 Contratos de Opção de Venda ou cerca de 20 mil toneladas. Já na quinta-feira (14), serão leiloados prêmios de risco (Prop) para a aquisição de 1.851 contratos, equivalentes a 50 mil toneladas. As duas operações serão realizadas por meio de leilão eletrônico. No primeiro, a estatal vai ofertar Contratos para os produtores da região norte do Mato Grosso. Ao adquiri-lo, o agricultor assegura a venda de sua colheita à Conab, numa data futura e a um preço previamente fixado. No momento estabelecido, ele não tem obrigação de negociar com o governo, podendo vender o seu produto no mercado, caso o preço seja mais atrativo. Nesta rodada, o preço de exercício será de R$ 6.462 para cada 27 toneladas, com vencimento em 15 de setembro. Já na operação de quinta-feira serão ofertados Props para suinocultores, bovinocultores e outros representantes do seguimento consumidor do Nordeste, norte de Minas Gerais e Espírito Santo. Para se beneficiar, o arrematante tem que comprar diretamente de agricultores ou cooperativas rurais que possuam contratos de opção. Este prêmio de risco é uma subvenção econômica utilizada pelo governo para garantir o fornecimento de milho em regiões com demanda maior que a produção. As duas operações são complementares. No Contrato de Opção, o apoio é destinado ao produtor, amparando a comercialização de sua colheita. No Prop, a subvenção é reservada às indústrias e criadores, garantindo o abastecimento. Nas duas modalidades, cada contrato equivale a 27 toneladas de cereal.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •  
Sem categoria

Atualizado em: 8 de outubro de 2018

Artigos Relacionados