Inseminação artificial em tempo fixo em bovinos

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

inseminação artificial (IA) O programa de inseminação artificial por tempo fixo (IATF) consiste numa tecnologia que permite inseminar um grande número de vacas em dia e hora pré-determinada, sem a necessidade de observação de cios, concentra as inseminações e os nascimentos em épocas programadas, reduz o intervalo entre partos e favorece ao produtor uma otimização no manejo da propriedade.

As vantagens da aplicação da técnica de IATF são: permitir a inseminação de grande quantidade de vacas ao dia; aumentar a produção de bezerros consequentemente o melhoramento genético; acabar com a necessidade de observação de cios; possibilidade de inseminar vacas em anestro com boas taxas de prenhez; as fêmeas que não emprenham da IATF passam a apresentar cios regularmente, com prenhes mais fáceis, através de repasse com IA convencional ou com uso de touros; permite obterem-se altas taxas de prenhez já no início da estação de monta; antecipa e concentra o nascimento dos bezerros, fazendo com que apresentem maior peso ao desmame; diminui o intervalo entre o parto e a nova prenhez das vacas do rebanho, aumentando a eficiência reprodutiva; diminui o intervalo entre partos do rebanho, aumentando a produção de bezerros e leite ao ano; diminui o descarte de fêmeas que ficariam vazias ao final da estação de monta; diminui a necessidade de compra e manutenção de touros para repasse e facilita o manejo para se inseminar as vacas. Com todas essas vantagens a IATF torna-se uma técnica vantajosa no manejo do rebanho.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •  
Sem categoria

Atualizado em: 18 de março de 2013

Artigos Relacionados