Por que secar sementes de capim? Qual a melhor forma de fazê-lo?

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Sementes de forrageiras colhidas pelo método da varredura não necessitam de secagem. Quando colhidas com colhedeiras, ou pelo método manual da pilha , seus teores de água devem ser reduzidos para 12 % ou menos, porque, acima destes níveis, sua longevidade, em condições ambientais de armazenamento, é bastante reduzida. As sementes de forrageiras, em especial as de capim recém-colhidas com colhedeiras ou pelo método da pilha, freqüentemente apresentam teores de água superiores a 45 %, o que as tornam susceptíveis à fermentação e, conseqüentemente, ao aquecimento e à deterioração. Dessa forma, elas não devem ser amontoadas, ensacadas ou cobertas: é melhor esparramá-las, mesmo com o risco de serem molhadas por chuva, o que não é prejudicial nas primeiras 24 horas após a colheita, desde que, após esse período, haja condições de ser iniciada a secagem propriamente dita. O risco de fermentação é menor quando, ao ser esparramada, as sementes são submetidas a um pré-beneficiamento para a remoção de folhas e talos das plantas.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •  
Sem categoria

Atualizado em: 8 de outubro de 2018

Artigos Relacionados