Produção de fertilizantes entra na agenda

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Além das áreas de energia e alimentos, a produção de fertilizantes entrou para a agenda de assuntos estratégicos nas relações entre Brasil, Argentina e Venezuela. Segundo o ministro das Relações Exteriores, Celso Amorim, os três países vão cooperar na fabricação de fertilizantes, insumo básico da produção de grãos, que se tornou caro e escasso por causa da alta do petróleo. A decisão foi tomada em reunião entre os presidentes Luiz Inácio Lula da Silva, Cristina Kirchner e Hugo Chávez. Amorim, que na última hora substituiu o presidente em uma entrevista coletiva à imprensa no aeroporto, não explicou a razão do desconhecimento da chancelaria sobre o encontro trilateral. Também não deu detalhes sobre como se daria a cooperação em fertilizantes. Mas garantiu que o tema será aprofundado em reunião marcada para o dia 6 de setembro em Brasília, quando Chavez e Cristina Kirchner chegam ao Brasil para participar, no dia seguinte, da cerimônia de comemoração da Independência.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •  
Sem categoria

Atualizado em: 5 de agosto de 2008

Artigos Relacionados