Quais as vantagens encontradas com a castração dos gatos?

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A população felina brasileira hoje é de aproximadamente 19,8 milhões de animais, e de acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Produtos para Animais de Estimação (Abinpet – São Paulo/SP) a população dos gatos poderá ultrapassar a dos cães domésticos.

Os gatos são caracteristicamente selvagens, independentes e predadores e a população aumenta significativamente, com isso muitos pensam nos benefícios da castração, embora possa parecer cruel é necessária para garantir a qualidade de vida do animal.

Durante a castração o órgão reprodutivo é retirado, o testículo é removido no caso dos machos, e eles se recuperam em poucos dias. Nas fêmeas é feita à retirada total de útero e ovários através de uma abertura na barriga para extração dos órgãos, a cicatrização é mais demorada, em média uma semana.

Com a castração os gatos mudam o comportamento, ficam mais caseiros e, assim correm menos riscos de se machucarem nas brigas quando saem para a rua. As fêmeas não entraram mais em gestações diminuindo a população crescente. 

Depois da castração alguns cuidados devem ser observados, com a retirada das gônadas não há mais produção de hormônios reprodutivos, responsáveis por controlar o apetite e manutenção da massa muscular de qualidade.  Assim, sem os hormônios, os animais gastam menos energia e comem mais, podendo chegar à obesidade.

O controle do peso deve ser feito através da alimentação, existem no mercado rações para gatos castrados, com menos gordura e mais fibras. É muito importante que os animais pratiquem exercícios após a castração.

 

Quais as técnicas cirúrgicas de procedimentos que ocorrem na rotina em clínica cirúrgica de pequenos?

Como realizar a  vasectomia em pequenos animais?

Veterinário: Confira os melhores preços e qualidade em equipamentos veterinários.

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •  
Sem categoria

Atualizado em: 8 de outubro de 2018

Artigos Relacionados