SP: programa rural forte disponibilizou R$ 8,3 bi

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Em outubro de 2007, a Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo e o Banco do Brasil firmaram um termo de cooperação que previa a disponibilização de recursos aos produtores no valor de R$ 5 bilhões. Com a demanda aquecida, recursos suplementares foram destinados à São Paulo e chegou-se à marca de R$ 8,3 bilhões. Esse valor de aplicação na safra 2007/2008 é 44% superior ao da safra anterior (2006/2007), mostrando o crescimento da agropecuária paulista. Dentre as linhas de financiamento oferecidas estavam créditos para custeio, de investimento como o Moderfrota (Programa de Modernização da Frota de Tratores Agrícolas e Implementos Associados e Colheitadeiras), Moderinfra (Programa de Incentivo à Irrigação e à Armazenagem) e os títulos de crédito para comercialização, assim como recursos para a agricultura familiar dentro do Programa Nacional de Fortalecimento da Agricultura Familiar (Pronaf). No Estado de São Paulo, a Secretaria de Agricultura e Abastecimento colabora no apoio técnico-financeiro para a aplicação de crédito rural, por meio da rede de escritórios regionais e casas de agricultura, junto ao produtor. Além da aplicação dos recursos envolvidos, existem outras ações que devem ser destacadas como a capacitação dos produtores, a assistência técnica de qualidade, o incentivo à agricultura familiar e a sustentabilidade das ações. As partes já estudam os recursos que serão destinados para a safra 2008/2009, que se inicia agora. As informações são da Secretaria de Agricultura do Estado de São Paulo.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •   
  •  
Sem categoria

Atualizado em: 25 de julho de 2008

Artigos Relacionados