Como tornar a agricultura lucrativa? Entenda os desafios!

  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
agricultura lucrativa

Um dos grandes desafios o produtor rural é, sem dúvidas, entender os desafios e tornar a agricultura lucrativa. Afinal, apesar de ser um setor estratégico para o Brasil, tendo destaque para a produção de soja, café e laranja, por exemplo, o pequeno e médio agricultor, enfrenta dificuldades para ter garantia de rentabilidade o ano todo. 

Para que a agricultura seja, de fato, lucrativa, é preciso ter mais do que boa vontade. É preciso ter inteligência estratégica e adotar as medidas certas para que a lavoura forneça o lucro esperado, garantindo a continuidade da atividade. 

A atividade agrícola no Brasil teve início ainda no período colonial, com o objetivo basicamente de subsistência. Hoje se tornou uma das principais atividades econômicas do país e é responsável por uma grande fatia do PIB. É por isso que nesse artigo vamos citar os principais desafios enfrentados e ainda dar dicas para tornar a agricultura lucrativa, independente do tamanho da propriedade. Confira! 

Principais desafios do agricultor

Mão de obra

O aumento da migração da população rural para as cidades fez com que o capital humano no campo se tornasse uma das grandes dificuldades da produção agrícola. Essa migração decorre da busca por melhores oportunidades , tendo em vista que com a grande mecanização, restaram poucas oportunidades para trabalhadores rurais. 

No entanto, a migração foi tão grande que hoje é comum faltar mão de obra para a realização de atividades de dependem do trabalho humano. 

Ao mesmo tempo, aos trabalhadores que optam por permanecer no campo, muitas vezes falta formação técnica adequada. 

Competitividade

Aqui a competitividade se dá em dois níveis. O primeiro se refere a competitividade interna, já que, é comum que pequenos e médios agricultores não conseguem competir em pé de igualdade com as grandes produções que conseguem baratear os custos de produção e produzir em larga escala. 

Do mesmo modo, o segundo nível da competitividade diz respeito ao cenário internacional. Se o Brasil não continuar expandindo seus investimentos no setor, ele poderá ficar para trás no cenário internacional.

Disponibilidade de terras

Outro grande desafio de tornar a agricultura lucrativa é a disponibilidade de terras. Muitas culturas demandam uma rotação de plantio. Isso porque, quando você cultiva uma cultura por muitas vezes seguidas em uma área, a pressão das pragas e doenças daquela cultura vão aumentar, pois sempre terá o hospedeiro desejado por elas. Com o tempo, ela tende a se tornar imprópria.

Para evitar isso, o ideal é que haja uma rotação de culturas, ou seja, o cultivo de culturas com características diferentes, que são susceptíveis a pragas diferentes, para que não haja esses surtos populacionais de organismos indesejáveis. Um exemplo disso é que, depois plantar tomate, você pode vir com um plantio de milho, pois tratam-se de plantas completamente diferentes cujas pragas não são as mesmas.

Diante desse cenário, é preciso ter um planejamento estratégico de quais culturas serão realizadas para que a propriedade seja aproveitada a maior parte do ano, sem perder o seu potencial. O que se torna um grande desafio para pequenas e médias propriedades.

Logística

Aqui podem ser elencados como desafios os altos custos de transporte e as condições desfavoráveis das rodovias e dos portos brasileiros. Esse entrave no sistema de escoamento encarece os produtos, prejudicando as duas pontas do processo: o produtor e o consumidor final.

Clima

Não há dúvidas de que as condições climáticas representam um dos grandes desafios para o produtor e para uma agricultura lucrativa. Isso ocorre normalmente quando o clima da região prossegue dentro da normalidade, com os parâmetros de chuvas, umidade e temperatura dentro do esperado, os produtores conseguem conduzir sua produção com maior facilidade.

No entanto, quando foge da normalidade, com longos períodos de seca ou temporadas de chuva, pode trazer complicações para a produção. Além disso, fica difícil se planejar ao longo prazo. 

Dicas para tornar a agricultura lucrativa

Agora que você já entendeu o panorama da produção agrícola no Brasil e seus principais desafios, confira a seguir algumas dicas para tornar a agricultura lucrativa e obter o lucro esperado em sua propriedade! 

Manejo integrado 

O manejo integrado consiste em gerir os recursos da propriedade de modo a reduzir os custos. Com isso, parte do objetivo de reaproveitar os próprios recursos, insumos e sobras para mais de uma atividades. 

Por exemplo: você planta milho, que irá servir como parte da alimentação dos suínos, principalmente se você tiver uma fábrica de ração. Em seguida, o esterco gerado por esses animais pode ser aproveitado em ciscódromos para galinhas, já que é rico em nutrientes. 

Ou seja, você abastece uma cadeia de produção e otimiza os gastos de sua propriedade, entendendo melhor como cada recurso pode ser empregado ao máximo. 

Adoção de tecnologias e otimização da produção 

A adoção de tecnologias é essencial para otimizar, reduzir os custos de produção e tornar a agricultura lucrativa. A otimização, nesse caso, pode ser em níveis mais básicos como entender a relação custo-benefício, e que pode garantir o sucesso de muitas culturas.

A adoção de tecnologias de irrigação é essencial para obter melhores resultados com a plantação ao longo do ano, sem tanta dependência das condições climáticas. 

Do mesmo modo, a produção própria de insumos, como ração, você pode aproveitar restos das plantações de milho e cana, por exemplo,  com o uso de trituradores e ensiladeiras é outro exemplo de como a adoção de tecnologias pode te ajudar a reduzir custos de produção e, com isso, aumentar a lucratividade de sua propriedade rural.

Adote a verticalização da produção

A verticalização da produção se trata do processo de agregação de valor em produtos. Na prática, é o domínio de todas as etapas de produção: plantio, colheita, transformação e beneficiamento de produtos, embalagem e venda para o consumidor final.

Assim como o  produtor que investe em gado leiteiro, por exemplo, pode entregar, além do leite, queijos, requeijão, doce de leite, entre outros. Mas há opções de focar na distribuição de um único produto, mas já processado para entrega ao consumidor final. 

Diversifique a produção

Exceto grandes propriedades que são monocultoras e estão bem posicionadas dessa forma, diversificar a produção pode ser a chave para ter um sítio lucrativo em sua propriedade rural. Ter variados produtos que inclua culturas simples (hortaliças e frutas) e também animais, como suínos e aves, é uma ótima opção, especialmente para quem aposta no manejo integrado.

A escolha de técnicas como a hidroponia e o cultivo orgânico também favorece produtores rurais que desejam conquistar nichos específicos. 

Busque parcerias lucrativas

As parcerias entre agricultores podem ser vantajosas. Elas são seladas por meio de associações, agremiações e cooperativas de produtores rurais  para unir os interesses. A partir da criação dessas parcerias é possível criar uma rede de colaboradores para compra e venda interna de matérias primas diversas, para a aquisição de insumos com desconto por volume e até mesmo para a criação de entrepostos de estocagem e entrega de produtos em maior escala.

De modo geral, apesar dos desafios, é possível ter uma agricultura lucrativa, a partir das ações dentro das propriedades, que foram listadas aqui. 

No entanto, é muito importante que o produtos busque alternativas e se mantenha em constante aprendizado. É por isso que, para finalizar, trouxemos uma dica extra: Cursos Online na área de Agricultura com informações práticas em diversas que certamente ajudarão no desenho de sua propriedade. Clique aqui e saiba mais! 

Fonte: Royal Máquinas e Jacto

  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Artigos Relacionados